5 Dicas Pra Evitar Brigas no Casamento

by - quarta-feira, fevereiro 03, 2016



Olá! Tudo bem? 

Esse post é muiiiito especial, pois conta com a participação de um homem lindo, incrível, inteligente, amoroso, sábio, forte, único, admirável, o qual eu sou completamente apaixonada, meu esposo! Antes de mais nada quero agradecer a você Daniel, por entrar nessa comigo, por me ajudar e por acreditar que vidas serão abençoadas através deste material. 

Há alguns dias eu e meu esposo estávamos conversando sobre casamento, temos visto e ouvido casais cristãos que brigam ou afirmam brigar no casamento, quando falo brigar não estou falando de agressão física, mas sim de discussões que vão além de uma conversa esclarecedora. Classificamos como briga no casal o ato de levantar a voz, as discussões acaloradas, xingamentos e por aí vai.

O que nós dois percebemos é que os casais estão achando normal brigar, mesmo sendo um casal que busque cumprir a Palavra de Deus. Bom, se é normal brigar no casamento, então somos totalmente anormais, pois até hoje, com a graça de Deus, nunca tivemos uma briga sequer, podem acreditar isso é possível! Não que não tenhamos vontade de discutir as vezes, ou de elevar a voz um com o outro, mas decidimos não fazer, pois temos domínio próprio e podemos decidir o que faremos nestes momentos. Não podemos evitar os sentimentos, mas podemos decidir o que fazer com eles!

Se você está pensando: "Como isso é possível?" continue lendo esta postagem, pois a seguir vamos te dar 5 dicas pra evitar brigas em seu casamento. Não fizemos um estudo sobre o assunto, são métodos que sempre usamos desde o início do nosso casamento e dão muito certo. Chame seu conjuge pra ler junto, pois as dicas valem para os dois!!!


Saber o Momento Certo de Falar e de Ficar Calado

Aí que difícil!!!! A Bíblia fala em Eclesiastes 3 que há tempo para todas as coisas. Saber o momento certo de falar e de calar nem é a dificuldade em si muitas das vezes, mas falar e calar de fato no momento certo que é o difícil, além de ter discernimento pra saber o momento certo de falar e o que falar com seu conjuge quando tiverem uma dificuldade, é muito importante saber que há momentos que não devemos falar nada. Essa foi uma das primeiras lições pra evitar brigas no casamento que aprendi logo que casei. 

Meu esposo e eu temos formas bem distintas de encarar nossas diferenças, se temos algum problema, pra mim pode ser facilmente resolvido com conversa, alguns litros de lágrimas e um chocolatinho, depois disso já esqueci tudo, é como se não tivesse ocorrido nada. Já o Daniel precisa ficar um ou dois dias quieto pra resolver a questão dentro de si, o que pra mim é resolvido em pouquíssimo tempo pra ele demora dois dias, hehe! Aprendi que preciso dar a ele esse tempo para que possa resolver esse conflito, existe o momento certo de ficar calada, e então no momento que ele se sente preparado me chama pra conversar, agimos como adultos e resolvemos tudo de forma racional, sem drama.

Você pode até pensar: "Mas esperar dois dias? É tempo demais" . Bom, eu prefiro esperar esse tempo e resolver tudo com uma conversa madura do que brigar com meu esposo. E você, prefere o que?



Não Conversar Quando Estiver Irritado/ Bravo


Essa segunda dica é bem parecida com a primeira, se levar em conta que consiste em saber o tempo certo de falar também. É muito provável que se você ou seu conjuge estiver irritado, bravo, cansado ou estressado com alguma situação que aconteceu, e vocês ainda foram tentar falar sobre o assunto com os ânimos alterados irão acabar brigando. Mais uma vez é preciso usar sabedoria e ficar um tempo quieto até as coisas se acalmarem pra então poder conversar e raciocinar com clareza e então resolver as coisas. 

Quando estamos sobrecarregados pelo estresse ou irritadiços, nosso humor fica alterado e não falamos o que pensamos normalmente, estamos de certa forma fora de nós mesmos, e o natural é que se fale ou faça coisas que podem ferir a outra pessoa e causar mágoas que podem ser evitadas pelo simples fato de esperar o momento apropriado para falar.



Não Dar Ênfase as Manias do Cônjuge

Homens e mulheres foram feitos para se completarem e Deus colocou características diferentes em cada um, o homem foi criado para ser o cabeça da mulher (1 Coríntios 11:3), pra exercer autoridade, e é levado a agir pela razão, ao contrário da mulher, que é mais emotiva e detalhista. Essas diferenças no modo de ser e agir são muito naturais e deve-se saber disso antes mesmo de casar.

Tanto homens quanto mulheres tem suas manias, muitos dos maridos podem deixar as gavetas bagunçadas, a toalha molhada em cima da cama, fazer muito barulho quando acorda pela manhã. Já nós mulheres temos as manias de limpeza e organização, queremos tudo em seu devido lugar.

Essas manias muitas vezes irritam mesmo, e são a causa número 1 da maioria dos divórcios no Brasil, mas não precisa ser assim! Não leve essas manias tão a sério, afinal você também tem as suas, coloque o foco nas coisas boas, nos hábitos que você admira em seu amor e seja feliz!


Não Expor os Erros do Cônjuge a Outras Pessoas


Vemos muito isso acontecer, um expondo as fraquezas, os erros do outro ou, até mesmo os problemas da vida a dois em público, isso é péssimo, pois magoa a outra pessoa e deixa seu casamento desprotegido, abre brecha para que outras pessoas venham a comentar o que quiserem sobre vocês. Claro, que há casais que necessitam de ajuda pra resolver seus problemas conjugais, não tem nada de errado em vocês se aconselharem com pastores, líderes, ou outros cristãos mais sábios e experientes que vocês. Porém tomem muito cuidado ao se aconselhar com alguém, tenham a certeza de que podem mesmo confiar nestas pessoas e analisem se realmente elas estão aptas a aconselhar sobre casamento. 

De nada adianta você buscar conselhos com pessoas que não tem um casamento consolidado, ou nem sequer são casadas. Tenha sabedoria até mesmo para saber a quem pedir bons conselhos e confirme se o aconselhamento tem base bíblica.

Nunca envolva parentes nos problemas do seu casamento (mãe, pai, irmãos, sogros). Geralmente os parentes tendem a passar a mão na cabeça de seu familiar e enfatizar que o erro é da outra pessoa. Em nosso casamento nós temos, por opção, o hábito de buscar resolver nossos problemas em casa, só pedimos ajuda ao Espírito Santo e nunca falhou, temos tudo o que necessitamos em Deus. Claro que se houver em algum momento a necessidade de pedir ajuda para resolvermos algo, vamos procurar as pessoas certas e pedir conselhos.


Nunca Resolva Seus Problemas Conjugais Em Público ou Na Frente dos Filhos


Essa quinta e última dica não é para evitar brigas, mas pra proteger seu casamento. Resolver suas dificuldades em público pode: 
  • Dar liberdade pras pessoas tirarem conclusões precipitadas e falarem mal de vocês, 
  • Dar liberdade pra terceiros opinarem sobre seu casamento,
  • Abir brecha pra pessoas se aproveitarem da fragilidade conjugal para conquistar seu parceiro(a).
Já ouviu a frase "Roupa suja se lava em casa"? É bem isso, queridos. Se acontecer alguma situação desagradável fora de casa, esperem pra conversar em casa ou pelo menos peçam licença aos demais pra conversarem em um local privado e livre de espectadores. Se tiverem com o ânimo alterado, saibam dar o tempo necessário pra esfriarem a cabeça e evitar uma briga.

Seus filhos precisam de bons exemplos, pai e mãe além de ser os maiores exemplos para os filhos também são os primeiros, por isso são tão importantes, pois influenciam diretamente os filhos. Você não tem de esconder que tem problemas com seu conjuge, pois assim estaria passando uma falsa imagem a seus filhos, mas é bom evitar que eles participem dessas conversas, a coisas em um casamento que só diz respeito a vocês dois.

Essas são as dicas que temos pra vocês hoje, sentamos juntos e falamos sobre elas, acreditamos que o que temos de bom vem do Senhor e o que pudermos passar adiante e abençoar outras pessoas devemos fazer. Não somos um casal perfeito, mas buscamos aplicar os princípios bíblicos em nosso relacionamento. Fora isso a oração e o jejum tem um grande poder para abençoar seu casamento, façam sempre estas coisas.

Esperamos que sua vida e seu casamento sejam abençoados! Deus abençoe!





You May Also Like

0 comentários

Agora, eu quero saber sua opinião sobre o post! Comente!