What's your plan for your summer!Go to the beach?Go surfing, have a sunbathing?Or just stay at home?

Wherever you go, whatever you do. You'll need a fancy hairstyle for your colorful summer. Maybe the deep curly human hair weaves can satisfy your image for the summer. 

However, some girls don't want to spend too much on buying new virgin hair too much. So today, we are going to learn the steps to turn your hair you already have into the curly hair. Let's get started!

Prepare everything you need:hair intensive care product, heat protector, curl wand, styling spray, hair dryer, hair clips, dry shampoo.

Then we can start the job.





First, use the hair intensive care products, it makes your hair shiny, soft and smell good, apply it on the ends of your hair. Then Use the heat protector to protect the hair from the heat of the wand. Before you curl your hair, use the hair dryer to make sure your hair is completely dry, and during the period, you can comb the hair, make the hair is not very frizzy, which will set a good base for your curling job.


Second, part the hair down the center, and clip up the top, and for the bottom half, you may part it into twos, and then part again, it's a little bit precise and will be very helpful to those small curls. When you finish the parting job, you'll find the parts become small. Then at the neck, part hair bottom, take a one inch part. Wrap the hair around the wand the whole bottom section of my hair. And repeat the same process to the other parts.


Last, once you finish one part. Use your fingers to run through the curls, this step will make your curl look more natural. And give you a lot of more volume throughout your head. And for the root of your hair, you may apply the dry shampoo. And use the styling spray to help your hair stay for a much longer time. Then your deep curly hairstyle is finished!


If you think you are unable to do this process, you may take your straight human hair wigs to the hair salon, let the professional hairdresser help you. Hope this hairstyle may help you enjoy a lovely summer!


A saia midi se tornou must have no closet das evangélicas. A tendência veio pra ficar e meu look foi com essa peça que estava sem uso no meu guarda roupa.

Compor um look pro dia, para mim, é muito mais do que escolher uma roupa. Sempre opto por peças que me deixem feliz, e representem meu humor no momento.

Além disso, levo em conta quais atividades irei realizar naquele dia, pois gosto de estar bem vestida e confortável ao mesmo tempo. O look de hoje foi montado para essa postagem no blog e no meu Instagram. Se fosse no meu dia a dia, usaria para ir ao culto de domingo.

Claramente é um visual de outono, a saia midi marsala traz muito esse ar, assim como a blusa de gola alta e manga longa, a bota marrom é um item clássico que nunca sai de moda.


Nesse caso minha silhueta foi alongada com a saia midi que cobre um pedacinho da bota. 








Fazia muito tempo que não fotografa looks, mas amei esse retorno, durante a gravidez o foco era a barriga e curti muito cada momento, agora é hora de cuidar da família e de mim também. Com certeza teremos muito mais looks evangélicos aqui no blog.

Saia de sarja na cor marsala é da marca evangélica Dyork, a blusa é da Nítido, vendida pela loja online Via Evangélica. A bota é da Vizzano.


Siga o blog Mulher Virtuosa:





Se há algo que pode deixar a nossa casa ainda mais aconchegante é uma boa decoração. A escolha dos móveis, objetos decorativos e como iremos dispor tudo no espaço faz toda a diferença e podem facilitar e muito nosso dia a dia, é o que vemos na decoração industrial.

Aqui em casa mesmo, moramos em um apê alugado, tenho pensado em mudar a cozinha, pois é um dos cômodos que mais utilizo diariamente, além disso, temos cultivado cada vez mais o hábito de cozinhar em família e precisamos que o mesmo seja mais funcional.

Nosso espaço é pequeno, necessitamos de mais bancadas e também quero algo que seja econômico e fácil de fazer. Em minhas pesquisas na internet encontrei diversas ideias de decoração, e o estilo de cozinha industrial chamou minha atenção.

Meu esposo sempre amou esse estilo, eu nem tanto, mas confesso que quanto mais vejo, mais gosto!


O Que É Decoração Industrial?




O estilo industrial surgiu em New York na década de 1960 e teve seu ápice em 1970. O motivo de seu nascimento foi devido ao crescimento populacional da época.

O povo crescia e junto a ele a necessidade de construir moradias para o pessoal de baixa renda e daí veio a ideia de aproveitar galpões e espaços industriais abandonados para uso residencial.

O resultado foram os lofts industriais, que possuíam por características mais marcantes os amplos espaços, pé direito alto e janelas grandes que permitiam boa ventilação e iluminação.

As paredes não possuíam revestimento, assim os encanamentos, fiação e os tijolos ficavam à mostra.




Nos dias de hoje a decoração industrial está em alta, mas só vale mesmo a pena investir se realmente tiver a ver com você, por isso pesquise bastante antes de decidir adotar esse estilo.


Como Definir meu Estilo de Decoração


Existe diferentes estilos no mundo da decoração e certamente você irá se identificar mais com um deles. Assim como na moda, o estilo vem para transmitir sua personalidade, só que nesse caso é na sua casa e não nas roupas.

Nunca se apegue excessivamente a um estilo, pense na sua casa como um local para você e sua família terem momentos felizes, de descanso e aconchego, então só coloque na sua casa aquilo que fizer sentido pra vocês e traga alegria e boas energias!

Para você que deseja conhecer um pouco mais sobre os estilos de decoração, preparei abaixo uma lista com alguns dos mais comuns. Veja:

Estilo Clássico




O estilo clássico é bem conhecido na decoração e já adianto que é preciso ter uma casa espaçosa para introduzir essa decoração. A mobília é grande e ocupa espaço.

Esse estilo teve origem na arquitetura grega e romana, e possui linhas elegantes e muito requinte. A madeira escura é o tipo mais usada, como o mogno, a cerejeira e a nogueira.

Muitos móveis possuem ornamentos. Alguns objetos que podem compor bem esse estilo são os lustres, porcelanas, obras de arte antigas, molduras douradas, cristais, livros e arranjos florais.

LEIA TAMBÉM: Como Decorar sua Casa Usando Livros!

Estilo Retrô




O estilo retrô possui forte impacto visual e está em alta, ele traz inspirações de décadas passadas que marcaram, principalmente as de 1950 a 1970. 

Por padrão essa opção de decorar traz cores intensas e vibrantes como o laranja, rosa, azul, amarelo e mix de preto, branco e vermelho.

Algumas das principais características do estilo retrô são linhas simples, pernas pontiagudas, sofás largos e longos e poltronas suaves.

Estilo Rústico





Vem das casas de campo, com mobília de madeira maciça resistente e antiga, com materiais como madeira e ferro. As peças artesanais tem tudo a ver com esse estilo, como colchas mantas e almofadas.

Cerâmicas, patch work, cestas de vime, retratos de paisagens, cadeiras de balanço, ferraduras e espelhos com molduras antigas podem completar a decoração perfeitamente.

Estilo Minimalista




O estilo minimalista surgiu após a Segunda Guerra Mundial, nessa época as pessoas haviam perdido quase tudo,então passaram a decorar somente com o que era necessário e funcional.

No minimalismo tudo tem uma função e o ideal é que só tenha o que é necessário e útil. As cores costumam ser claras e neutras. Mas é possível sim adicionar cores e deixar o ambiente mais aconchegante.

Estilo Romântico




Serenidade é uma palavra que define bem esse estilo, que possui detalhes delicados como estampas florais em almofadas, mesas redondas e ovais, bancos estofados ao pé da cama e cores claras, tipo pastel.


Estilo Pop





Decorações de estilo Pop tem a ver com criatividade. As cores são vibrantes e contratantes com artes de famosos que marcaram história na música e no cinema, como Marylin Monroe.

Amarelo, pink, roxo e azul são algumas das cores mais usadas e sim, são vistas juntas, de uma vez só.


Estilo Natural




Típica casa de verão! Mar, areia, como não amar?! Esse tipo de decoração investe em elementos que remetem a vida na praia, como cordas, conchas, pedras, redes, âncoras e remos.

O azul, principalmente o azul esverdeado é bastante usado junto a tons como o bege e branco que fazem um ótimo mix com madeiras naturais.


Estilo Industrial




Como já mencionamos anteriormente, esse estilo é mais cru, com cimento queimado, tubulações e encanamentos à mostra, bem como fiação exposta.

As cores mais proeminentes são neutras, como o cinza, preto e branco que contrastam muito bem com o cobre, a madeira e tijolos aparentes.


Fora estes ainda tem o design escandinavo que tem feito muito sucesso, fiz um post só sobre ele aqui no blog.


Como Decorar Estilo industrial, Gastando Pouco?

Agora que você sabe tudo sobre estilo industrial é hora de colocar a mão na massa e decorar! Mas não posso finalizar esse artigo sem dar algumas dicas simples sobre como decorar gastando pouco que podem fazer toda a diferença par você!

Piso estilo industrial




O primeiro passo para uma decoração bem sucedida é mexer nos acabamentos do ambiente. Na decoração de estilo industrial tudo é muito bruto, mas você pode adaptar ao seu gosto e deixar o espaço aconchegante e estiloso ao mesmo tempo.

Nas décadas de 1960 e 1970 o piso dos lofts industriais eram de cimento queimado. Muitas construções hoje utilizam esse tipo de acabamento, mas há outras opções para quem deseja modernizar.

O uso de porcelanatos são uma boa alternativa, de preferência na cor branco ou preto. O porcelanato preto de acabamento fosco é bastante urbano e fica ótimo nesse tipo de decoração.

Por outro lado o branco amplia e ilumina o ambiente, além disso fica ótimo em contraste com armários de madeira escura. Os pisos de madeira também são muito usados nesse estilo.

Para quem pretende economizar pode fazer uso do piso laminado, que é fácil e rápido de aplicar e garante um excelente resultado.


Iluminação




Esse é outro ponto importante na decoração industrial. Os lofts industriais eram bem iluminados devido as grandes janelas, se você não possui janelas amplas, pode compensar com iluminação artificial, aproveite para introduzir luminárias e pendentes estilosos.

Se você é do tipo que ama artesanato poderá optar por criar luminárias artesanais, o legal dessa alternativa é que você economiza dinheiro e ainda tem um design exclusivo.

Armários





Para cozinhas pequenas, a melhor opção é optar por móveis planejados. Essa alternativa possui o custo mais elevado mas compensa pela qualidade, porém, minha dica para quem quer gastar pouco é montar sua cozinha.

Isso é possível e pode ser feito online. Recentemente descobri que na Mobly, é possível escolher os armários e montar sua cozinha de acordo com suas necessidades.

Outra opção interessante e que ajuda na decoração da cozinha industrial são prateleiras de madeira, elas são funcionais e práticas, uma maneira de expor louças e utensílios da sua cozinha, aproveite para escolher louças e peças elegantes que ajudem a decorar o ambiente.


Por fim, mas não menos importante, selecione alguns objetos para decorar sua cozinha. Embora a decoração industrial não utilize muitos deles, você poder dar um toque seu ao introduzir vasos, quadros, espelhos com alguma moldura diferenciada e até mesmo um toque de cor.




As plantas são muito bem vindas e dão um ar natural, trazendo mais vida ao ambiente.





Siga o blog Mulher Virtuosa:







Houve um tempo que as mulheres evangélicas não tinham muitas opções de roupas modernas. Tudo o que encontravam era a famosa e clássica saia jeans de corte reto e camisa. 

Eram opções mais simples, mas por sua funcionalidade continuam nos servindo até os dias de hoje, já que são peças básicas.

Conforme os anos foram passando, mais marcas iniciaram no mercado com a intenção de trazer opções inovadoras para o público evangélico feminino, que cresce cada vez mais.

As marcas evangélicas se consolidaram e se modernizaram. Nos dias atuais elas acompanham as tendências de moda e produzem roupas pensando em como a mulher gosta e precisa se vestir.

Com esse avanço, as poucas alternativas de looks evangélicos de antes, se transformaram em um nicho de mercado que satisfaz as necessidades desse público, oferecendo uma variada gama de roupas e acessórios.

De peças básicas á roupas modernas e exclusivas, uma moda capaz de vestir não só evangélicas, mas mulheres que têm uma personalidade ímpar e uma mensagem a mostrar ao mundo!


O Que é Estilo?



Muitas pessoas acreditam que ter estilo é acompanhar as tendências de moda, mas não é nada disso. Para ter estilo é preciso ter autoconhecimento.

O estilo é expressar quem somos através da forma de vestir. Nossa personalidade, gostos pessoais, onde gostamos de ir, o que curtimos comer, tudo isso e outros, formam a nossa identidade e isso é o nosso estilo.

A diferença está em saber quem você é e como se vestir de forma a revelar isso. Ter estilo é uma forma de mostrar ao mundo quem somos e no que cremos. É passar a nossa mensagem, sem precisar falar nada.


Como Descobrir Meu Estilo?




Não saber qual é o seu estilo pode te fazer jogar dinheiro fora. Isso acontece porque quando não sabemos do que gostamos, cultivamos o hábito de investir no que é bonito ou tendência e não analisamos se estas peças tem a ver conosco.

Muitas destas roupas ficam encalhadas no roupeiro só ocupando espaço, pois é difícil usar algo que não nos represente. 

Como já disse antes, para descobrir qual é o seu estilo, é necessário conhecer a si mesma. Alguns exercícios simples podem te ajudar:

Seus Hobbies: Analise o que você mais ama fazer em seu tempo livre, quais atividades mais chamam sua atenção. Se curte programas mais radicais, ao ar livre ou trabalhos manuais, por exemplo.


Suas roupas: Outro tipo de análise interessante é prestar atenção no que você já em seu guarda roupas, quais peças você mais usa e com quais roupas você se sente mais confortável e confiante.

Veja looks: Ver looks de blogueiras e fotos no Pinterest podem ser uma ótima dica para você decifrar seu estilo. Crie uma pasta e salve só aqueles looks que você usaria, depois analise, você verá que a maioria deles terá um mesmo estilo.



Moda Evangélica Estilos




É importante ter em mente que ter estilo é se expressar, nunca queira imitar o que os outros vestem, pois nem sempre dá certo. Também não se prenda a rótulos, o mais importante é se sentir bem com o que veste.

Você pode sim ter a ver com um estilo, mas isso não significa que não possa ter roupas que tenham mais a ver com outros estilos, entende?!

No meu caso mesmo, sou romântica, minha personalidade é delicada, feminina e muito sentimental, mas também gosto de introduzir um lado mais elegante e outras vezes casual, varia muito da ocasião e de como estou me sentindo no dia.

O mais importante é você se amar, curtir o que veste e estar confiante!


Estilo Casual 




Mulheres práticas, que prezam pelo conforto e curtem atividades simples costumam ter esse estilo. O visual mais clássico desse estilo é jeans e camiseta. 

Aproveite as muitas opções de saia jeans evangélica para garantir peças que a deixem muito confortável. Para não cair sempre na mesmice procure ousar um pouco mais escolhendo uma lavagem ou modelagem diferente.

Experimente outras peças em jeans como vestidos e camisas. Sei que o tênis e as flats são seus melhores amigos, mas investir numa bota ou em um salto grosso podem transformar o look para algumas ocasiões, deixando-a mais adequada, porém, sem deixar seu estilo de lado.

Estilo Elegante




As mulheres de estilo elegante costumam apreciar ambientes e programas sofisticados, gostam de um bom restaurante, e prezam pela qualidade em tudo.

Na forma de vestir, geralmente apostam em peças de boa qualidade e são exigentes com cortes e acabamentos das roupas. O look costuma ser impecável, com roupas sofisticadas.

Os comprimentos midi e longo são a cara desse estilo e as tendências de moda podem estar a seu favor. As estampas geométricas e os cortes assimétricos são bons exemplos disso.

Estilo Clássico




O estilo clássico é atemporal, em minha opinião as peças que tem a ver com ele, podem ser introduzidas em qualquer outro estilo e tem o poder de salvar qualquer look.

Alfaiataria, blazers e camisas com bom caimento, cores clássicas como preto, marinho e vermelho, saia lápis, reta e estampas como listras, são exemplos de itens que sempre marcam esse estilo.

O que é clássico nunca sai de moda, simplesmente sempre é usado, é um estilo ótimo para o trabalho, mas precisa de alguns toques para se adaptar a outros momentos do dia.

Minha dica é sempre adicionar alguma estampa mais divertida ou detalhe que modernize o visual, mas leve em conta que você deve se sentir feliz com o que veste, pense sobre isso ao fazer suas escolhas.

Estilo Criativo 





O exemplo mais próximo que temos é o da instagrammer Maanuh Scotá, a lindona reflete sua personalidade divertida em seus looks, que costumam ter peças estilosas e detalhes inusitados que se destacam.


LEIA MAIS: 5 Perfis de Blogueiras Evangélicas para Seguir Já no Instagram!

Esse estilo é bem espontâneo e não tem muita regra, os looks costumam chamar a atenção por ter contrastes de cores, estampas e adornos.

Na moda evangélica jovem é que o estilo aparece mais, possui ar moderno e ousado, com cores vibrantes e estampas além das tradicionais. Além disso, os acessórios também são itens de destaque.


Estilo Romântico




Mulheres delicadas, doces e sonhadoras costumam ter esse estilo, que inclusive está em alta na moda evangélica. Laços, babados, tecidos leves, estampas florais e tons claros são a cara das românticas,

Para as mulheres adultas o bom é sempre introduzir peças clássicas ou elegantes ao seus looks, para não ficar menininha demais. Aposte em looks que mostrem sua personalidade, mas que também diga que é uma mulher adulta e bem resolvida.

Estilo Fashionista




Esse é o estilo que vive de tendências e respira moda! Se você o possui, com certeza terá peças em animal print e com tons que estão em alta na moda. O maior risco desse estilo é não aproveitar as peças o suficiente e de errar na hora de combinar as roupas.

Tenha sempre peças clássicas em casa, um blazer de cor sutil, saia lápis escura, etc. Assim fica mais fácil equilibrar as tendências.





Siga o blog Mulher Virtuosa:






Se tem uma peça que além de atemporal e eclética , ainda é versátil, é o vestido tubinho. Diferente do vestido godê, o tubinho é famoso por ser ajustado a cintura e deixar o visual super elegante sem esforço.

Os vestidos evangélicos tem feito muito sucesso na moda como um todo hoje em dia, há muitas opções diferenciadas, mas o tubinho é um clássico que sempre tem o seu lugar garantido.

Outro ponto a favor dessa peça de roupa é o fato de vestir bem em todos os tipos de corpo. Mas você sabe mesmo como tirar proveito dessa peça? Acompanhe as dicas abaixo!


Vestido Tubinho Midi


VESTIDO TUBINHO
VESTIDO TUBINHO POÁ


Quem ama moda evangélica deve ter notado o quanto o vestido midi está em alta! No caso do tubinho não é diferente, e o vestido midi é uma alternativa moderna para as mulheres que curtem tendências. 

Há quem tenha receio de investir na peça, pois o midi corta a silhueta, mas o segredo está em combinar a roupa com o sapato. Basta investir nos sapatos em tons nude, de salto alto e que deixem o peito do pé à mostra, esses modelos alongam a silhueta e amenizam o corte que o midi faz.



Vestido Tubinho Estampado


 Vestido tubinho transpassado
VESTIDO TUBINHO TRANSPASSADO



As estampas estão em alta o ano todo, tanto florais quanto geométricas tem sido destaque nas últimas temporadas, além disso são estampas atemporais! Por mais que uma hora a moda passe, elas nunca deixam totalmente de serem usadas.

O vestido tubinho estampado traz um grande interesse visual e pode ser usado em diversas ocasiões, como na igreja, para jantares, passeios, casamentos e dia a dia, dependendo do tipo de tecido.

Embora, as alternativas estampadas estejam na moda, o vestido tubinho preto continua com tudo, por é aquela peça coringa e pode ser usada sempre.


Vestido Tubinho para Festa


 Vestido Tubinho com renda
VESTIDO TUBINHO COM RENDA







O tubinho só não pode ser usado em festas onde o traje Black Tie é exigido, pois nesse caso o vestido longo é o comprimento ideal. Porém, em festas de casamento, formaturas, festas empresariais, aniversários, congressos da igreja, etc., o tubinho pode ser uma ótima opção.

Nestes casos, o ideal é optar por modelos com tecidos sofisticados e detalhes que deixam a peça mais chique.

Gostou das nossas dicas e modelos? Todos os looks são da Loja Flor de Amêndoa, especializada em moda evangélica, veja abaixo mais modelos incríveis!


VESTIDO GODÊ

VESTIDO MIDI POÁ

VESTIDO LONGO

TUBINHO






Os vestidos evangélicos são sinônimo de feminilidade. Seja você romântica, clássica, casual ou alternativa, sempre haverá um modelo perfeito para você! 

Na moda evangélica, o vestido é uma das peças mais procuradas pelas mulheres, isso explica o motivo da grande variedade dessa peça no mercado.

Vestidos Evangélicos



Apesar da moda evangélica se manter atual, acompanhando as principais tendências de moda, sua base continua sendo a modéstia ao vestir.

Os vestidos são lindos, possuem design impecável, detalhes diferenciados, tecidos nobres, estampas exclusivas e bons cortes, competindo de igual para igual com grandes marcas não evangélicas. 

As peças obedecem a certo padrão que evita decotes profundos, comprimento mini e qualquer outro detalhe que faça a peça mostrar demais o corpo. Há opções de vestidos evangélicos para todos os gostos, corpos, estilos e ocasiões. 

Pronta para descobrir quais modelos ficam melhor em seu tipo físico? Continue lendo esse artigo pra descobrir! 


O Vestido Ideal Para Cada Tipo de Corpo



Quando falamos em vestidos evangélicos, opções diferenciadas é o que não falta! Há alternativas para todos os estilos e ocasiões, tanto que nesse post você encontra mais de 70 vestidos evangélicos nas imagens!


PS: Quer salvar as imagens desse post em suas pastas no Pinterest? Clique AQUI, essa pasta possui todos os looks desse artigo, é só salvar os que mais gostar!

Mas com tantas opções podem surgir dúvidas na hora de escolher o vestido certo pra você, não é só ver o que mais lhe agrada ou optar pelo modelo que viu a modelo usando, pois nada garante que vai ficar bem, a menos que você saiba quais modelos mais favorecem seu biotipo, certo?!

Quero ressaltar que o ideal é sempre provar a peça antes de comprá-la, mas, na era na tecnologia não posso descartar o fato das compras online, onde só vamos vestir a peça após a compra.

Antes de mais nada é preciso que você saiba qual é o seu tipo físico. Há cinco diferentes, sendo eles: ampulheta, reto, oval, triângulo e triângulo invertido. Cada um com proporções diferentes e aspectos únicos.

Para saber qual é o seu biotipo basta ficar de lingerie em frente ao espelho e analisar ombros, cintura e quadris, comparando com a figura abaixo.      




Saiba mais sobre o que usar de acordo com o seu tipo de corpo.


Tipo Físico Ampulheta

A principal característica desse corpo é sua simetria, ombros e quadris possuem proporções bem parecidas, com a cintura afinada. Os vestidos ideais para esse tipo físico são os que mantêm suas proporções.

Vestido acinturados valorizam as curvas femininas e sutis desse tipo físico, o vestido lápis também vai bem, mas evite modelos apertados. Vestidos de corte reto e muito solto não a valorizam.




    

Tipo Físico Reto

Esse tipo de corpo possui ombros e quadris proporcionais, porém, diferente do ampulheta a cintura não possui definição. Os melhores modelos de vestidos evangélicos serão os que acrescentam volume aos quadris e definição à cintura.

O godê é perfeito para criar esse efeito, os modelos estilo princesa, com detalhes na mangas e saia rodada são ótimos pra você. Invista em estampados, decote ombro a ombro e em babados. Evite os modelos retos e soltos.





Tipo Físico Triângulo

O corpo triângulo é marcado por diferentes proporções, enquanto os ombros são menores, os quadris se destacam por possuir maior volume, a cintura é bem fina. Esse é o famoso corpo violão (acho lindo)!

Normalmente, as mulheres que possuem esse biotipo tendem a querer disfarçar o volume a mais no quadril e deixar o visual mais equilibrado. 

O grande truque para que isso aconteça é simples, basta adicionar volume aos ombros e tirar dos quadris. Como fazer isso? Com estampas, cores e adornos.

Opte sempre por vestidos sem muito volume na saia, como os modelos em A, sereia, reto, meio godê e lápis. O ideal é que os vestidos possuam enfeites na parte superior, para desviar o olhar para esse região do corpo.

Vale apostar em decote canoa, V, pedrarias, babados, mangas princesa, ou qualquer outro tipo de detalhe que faça essa região ser destaque. As estampas são super bem vindas, desde as dicas acima sejam seguidas.


Repare como no terceiro modelo as listras na diagonal chamam a atenção para o colo, enquanto as listras verticais alongam as pernas.





Tipo Físico Triângulo Invertido

Esse tipo de corpo é o contrário do último que falamos, nesse caso os ombros é que são maiores e o quadril é estreito. Para equilibrar essa silhueta basta criar volume na parte inferior e disfarçar os ombros.

No caso dos vestidos, o bom é evitar mangas bufantes e babados no colo, prefira vestidos com corte godê duplo, as saias rodadas criam bastante volume nos quadris, o que é ótimo pra você.

Vestidos com mangas em sino podem ser bons aliados, pois esse volume a mais nas mangas fica na altura do quadril quando seus braços estão pra baixo.





Tipo Físico Oval 

O corpo oval possui ombros e quadris na mesma proporção, a cintura pode ficar nessa mesma linha ou ser um pouco mais larga. Como ele tem muitas linhas curvas, é necessário criar linhas retas para uma silhueta de proporções equilibradas.

Os modelos retos serão seus melhores amigos, vestidos na altura do joelho, de corte reto são perfeitos para você. As estampas geométricas com linhas retas também lhe favorecem muito, dá para aproveitar que as estampas geométricas são tendência e abusar delas.




Vestidos Evangélicos Tendência



Não há como negar, tem sempre aqueles vestidos que as evangélicas amam e acabam sendo usados sempre, como é o caso do famoso e atemporal vestido tubinho ou do moderno vestido godê.

Como a cada temporada a moda traz novidades, sempre há tendências que valem a pena ficar de olho pra ir atualizando o guarda roupa. Confira abaixo algumas das tendências de moda que mais se destacam na moda evangélica!

Listras - Uma tendência atemporal que está com tudo no momento. As listras estão aparecendo muito nos vestidos femininos e vem muito ecléticas. 

Desde as opções mais tradicionais em preto e branco ou vermelho e branco, até as mais 'diferentonas', mesclando linhas grossas e finas, com cores distintas e em diferentes sentidos na roupa.






Poás - Os poás nos remetem a um visual romântico e por vezes retrô, dependendo do modelo da roupa, essa estampa está vindo com tudo nessa onda de geométricas.

Vale desde aquele poá miúdo até as versões grandes, aparecem também misturados a estampas como o floral, trazendo um visual bem delicado.






Babados - Os babados continuam como tendência, parece que eles vieram mesmo pra ficar, pelo menos por um bom tempo! Os babados aparecem muito nos decotes e na barra dos vestido evangélicos, eles acrescentam muito charme a peça.






Midi - Esse comprimento conseguiu mesmo conquistar o coração das mulheres. Embora não seja uma tendência tão recente, ele tem feito muito sucesso e permanece em alta na moda, vale a pena investir!

TENDÊNCIAS MODA EVANGÉLICA OUTONO INVERNO 2019


Qual Vestido Certo Para Cada Ocasião





A sua roupa pode ser perfeita e um desastre ao mesmo tempo, se não for usada na ocasião certa. Quem nunca se arrumou demais ou de menos para um momento e percebeu que errou feio?!

Cada momento do nosso dia é diferente, temos de levar sempre em conta as atividades que faremos e o quanto a roupa nos permite vivenciar confortavelmente tudo isso.


Para ajudá-la a acertar no look sempre, separamos diversas dica úteis abaixo!

Dia a dia  

Os momentos mais simples e despretensiosos da vida estão aqui, é quando vamos a padaria, ao supermercado, passeamos com o cachorro, etc. São atividades simples que exigem um look mais básico.

Os vestidos para o dia a dia devem ser confortáveis e práticos, os melhores tecidos são algodão, viscose, jeans e malhas variadas. Modelagens mais simples como o lápis, reto e evasê são perfeitos para momentos assim.

Siga a mesma vibe nos pés, calçados confortáveis como tênis, sapatilhas e rasteiras completam o visual.




Trabalho

Para o trabalho o visual deve ser sempre mais formal, fique de olho no dress code de sua empresa para ter certeza de qual é o melhor visual para você.

De uma maneira geral, o ideal é optar por roupas comportadas, modernas e com tom de seriedade, assim você passa uma imagem de profissionalismo.

No caso dos vestidos, evite os que possuem muito detalhes, os babados, pedrarias e estampas chamativas podem ser estilosos, mas devem ser evitadas no trabalho.

O modelo do vestido pode variar bastante, mas as estampas e enfeites devem ser sutis.






Igreja

Para a igreja também vale o visual mais formal, porém aqui já cabem aqueles detalhes nas roupas. Embora comprimentos acima do joelho serem uma opção, é sempre bom cuidar se na hora de sentar o vestido sobe muito ou não.

O modelo tubinho é muito usado em cultos, mas cuide para não escolher um modelo justo ou apertado, pois fica vulgar por mais que o comprimento seja no joelho ou abaixo.

Esse tipo de vestido é pra ser ajustado ao corpo, mas nunca de forma excessiva.






Passeios

Quando você vai a algum lugar, seja um jantar ou passeio ao ar livre o ideal é optar por um look mais arrumadinho, é claro que o lugar onde vai, com quem vai e o que irá fazer influenciará muito na decisão do que irá vestir, listei alguns momentos específicos com algumas dicas sobre o que usar.

Passeio ao ar livre - Embora seja um tipo de passeio informal, você pode estar bem arrumada, os vestidos devem ser fluídos e leves, um ótimo look é o vestido com tênis. Aqueles modelos de viscose ou outras malhas também podem ser interessantes.

Se for a um parque onde há grama, lembre-se de usar calçado confortável, o vestido deve ser de um tecido que permita a movimentação, principalmente se for acompanhada de seus filhos, ou for a um piquenique.





Churrasco - O churrasco é um momento gostoso de reunir familiares e amigos. O look pode ser simples mas bonito, vestidos rodados podem ser acompanhados de sandálias de salto rasteiro, tênis ou tamancos.

Cuidado para não se arrumar demais, opte por algo alegre e divertido e simples ao mesmo tempo.





Shopping - Os passeios no shopping são muito bons, principalmente quando são em família! Aproveite para usar vestidos estilosos, mas sem estar muito arrumada. As alternativas mais simples com alguma detalhe moderno podem ser a opção perfeita.










Jantar - Se for para um bom restaurante é melhor caprichar no visual, escolha um vestido mais elegante, não precisa ser chiquérrimo, mas algo bem feminino e delicado.

As estampas vão bem, mas evite as muito coloridas nesse tipo de ocasião, os florais sutis e cores como preto, vermelho e tons pasteis são boas escolhas. Ah e não esqueça do salto alto, vai valorizar ainda mais a produção.





Festas

Os vestidos evangélicos também são ótimas opções para festas e eventos. Desde as festas mais simples, como aniversários, até casamentos e eventos glamourosos.

Uma das marcas evangélicas que mais amo, a Fascíniu's Moda Evangélica possui uma linha festa, com roupas sofisticadas para este tipo de momento.


Mas que vestido usar em cada tipo de festa? Quem nunca teve esse dúvida, não é mesmo?! Confira abaixo nossas dicas e nunca mais erre no look!


Festas Simples  - Traje Esporte

As festas mais simples são os aniversários e chás (bebê ou casamento), aqui podem ser incluídos eventos sem muita formalidade como um chá com amigas, etc.

Para esses momentos o vestido deve ser bonito mas simples, por isso se chama traje esporte. Opte por bons tecidos e cortes, mas não precisa ser nenhum modelo chiquérrimo, até mesmo o jeans pode ser uma boa escolha, desde que seja mais arrumadinho.

O comprimento pode variar, seja ele acima dos joelhos, midi ou longo. Nos pés, sandálias de tiras podem ser um bom contraste para um modelo de vestido simples. 





Casamento e Formaturas - Traje Social ou Passeio completo

Nesse caso o look deve ser bem formal, decotes devem ser rasos e há comprimentos adequados específicos para as mulheres. De acordo com a etiqueta os comprimentos ideais são:

Convidada: Só devem usar vestido na altura do joelho ou midi.





Madrinhas: Comprimento longo, geralmente a noiva escolhe o look das madrinhas ou pede para que usem o mesmo tom e tecido.





Mãe da noiva e noivo: comprimento longo.





Em casamentos a única que pode usar branco é a noiva. Em formaturas e casamentos devemos cuidar bem da aparência, fazer uma boa maquiagem e penteado são importantes, porém, é preciso ficar de olho para não chamar muito a atenção com o visual, pois quem deve se destacar são os noivos e a formanda, no caso de formatura.

E aí, gostou das dicas e fotos do post? Use os botões abaixo para compartilhar com suas amigas e acompanhe o blog para mais conteúdos como este!





Siga o blog Mulher Virtuosa: